Ø G®¡†ö ðö Þöë†ä

Ø G®¡†ö ðö Þöë†ä
Visto-me com as cores do arco-íris, e desenho-te um beijo no poema.

Deito-me a beber da Terra


Se estou cansado
deito-me a beber da terra
à espera de me redimir.

Oiço as histórias do mundo,
a fala dos animais
e a força das plantas para nascer.
Oiço o que eu quiser
quando me deito na terra.

Oiço-me também a mim
nos silêncios decifrados
recolhendo as respostas
para aplacar a raiva,
para me limpar de ódios,
para saciar a solidão,
para saborear a vida.

Sei que a ela voltarei
no dia em que me despedir
mas dela levo a força
para o sítio para onde for.

*

© efeneto

*

19 comentários:

gotadevidro disse...

Tanto que a terra nos dá, e tanto que a mesma terra nos tira.

Belissimo e a música tão bem enquadrada.

Lindoooooo

um beijo

GarçaReal disse...

Deitada na terra húmida e quente
Sinto a vida a escorrer pela trémula mão
Oiço ainda os sons da vida aconchegando a alma dormente
A palpitarem na busca de momentos de emoção.

Deitado na terra sempre sentirás o coração pulsar
Sempre ouvirás a natureza a chamar
Com teu Grito implorarás o viver
E serás poeta eterno...
Por isso não podes morrer.

Lindooooooooo

Bjgrande daqui ( com sol)

DelfimPeixoto disse...

Gostei de todo o conjunto apresentado. Parabéns

meu cantinho disse...

Imagem brutal .
video lindissimo com uma voz poderosa.
Poema sentido ...
que dizer mais
Um conjunto no qual já nos habituas-te a ver .

adorei


beijo

Sunshine disse...

Um momento perfeito !!!

A conjugação da imagem que escolhes, o sentimento contido nas palavras e a poderosa voz de Bocelli ... tudo se conjuga para este momento mais que perfeito.

Sublime !!!

Secreta disse...

Gosto desta tua maneira leve de escrever.
Beijito.

São disse...

A sério, quando é que publica?
Um abraço.

Bruxinhachellot disse...

E Ela o acolhe em seu colo protetor.

Bjs de lua.

manuela disse...

A terra...tão preciosa na vida...um tesouro que se guarda num verso teu.Está tão lindo o teu espaço! Sentimo-nos tão bem aqui!...Beijos.

Belisa disse...

Esta música está lindíssima como fundo, para a leitura dos teus lindos poemas!
Beijinhos estrelados

Suave Toque disse...

Vim agradecer o carinho e dizer que aqui esta tudo perfeito, palaras, musica, imagem, tudo de bom gosto como é vindo de você.
Um grande beijo e um ótimo final de semana.

Tua amiga de sempre

Suave Toque

Carla disse...

Deixei-me envolver pela força desta "Terra"
Bom fim de semana
beijos

lagartinha disse...

Bem lindo este!
Agora é assim, quem escreve desta maneira, não deve ter dificuldade nenhuma em falar de si próprio, pois não? É que fui catada
Beijito

Olhos de mel disse...

Oie lindinho! Até em momentos nostálgicos, você consegue escrever coisas mágicas e belas! Que a mãe terra possa, reabastecer suas energias e voltar renovado, pleno!
Bom fim de semana! Beijos

abelhinha disse...

"Como distinguiremos o que é bom no prazer do que é mau?
Ide, pois, aos vossos campos e pomares e, lá, aprendereis que o prazer da abelha é sugar o mel da flor,
Mas que o prazer da flor é entregar o mel à abelha.
Pois, para a abelha, uma flor é uma fonte de vida.
E para a flor, uma abelha é uma mensageira do amor.
E para ambas, a abelha e a flor, dar e receber prazer é uma necessidade e um êxtase."
KG
Bom fds
bzummzumm

Alice Matos disse...

Linda imagem... a voz da terra no escutar dos que sabem ouvir os seus silêncios...

GMV disse...

Lindo o seu poema (guardei!). Bom fim-de-semana. Bjs.

fotógrafa disse...

A amizade abraça
todos os aspectos da vida.
Bom fds
abraço

Paula Raposo disse...

Sempre belas as tuas palavras...

Seguidores

Creative Commons License Esta obraestá licenciada sob uma Licença Creative Commons.