Ø G®¡†ö ðö Þöë†ä

Ø G®¡†ö ðö Þöë†ä
Visto-me com as cores do arco-íris, e desenho-te um beijo no poema.

Horas Mortas

Dois murmúrios de tristeza
eco de uma solidão esquecida
que ao passar pela vida,
uma ruga desenha
nas fases da razão.
Escuto atento o silêncio
desta verdade amarga
que decidido destruiu
uma ilusão inventada.

Contrastes definidos
entre sons surdos de saudade
e afagos de alegria
que a felicidade diferente
de um presente sem duvidas,
generosa me oferece.

Vejo sorrindo
meditando desinteressado
esquecendo indiferentes
o teu rosto, MULHER.
*
© efeneto

*

31 comentários:

ana poeta. disse...

F.Neto.


Versos intrigantes. Sem palavras.


Beijos Poéticos.
;**

MEU DOCE AMOR disse...

Hummmm...

Até já

tulipa disse...

OLÁ AMIGO

Venha colher uma tulipa do meu campo em flor. Conheça o meu novo espaço.

Tem a certeza que não sabe quem sou?...Huuuummmmmm, não acredito.

PARABÉNS pela sua excelente escrita!!!

Beijinhos.
Bom fim de semana.

fotógrafa disse...

“Um cobarde é incapaz de demonstrar amor, isso é previlégio dos corajosos”.
(Gandhi)
Hummm…pensamento interessante…
Passando para desejar um bom domingo
Abraço

espelhodesombras disse...

Amigo Efeneto, de intensa magia e ecos de solidão, existe um gosto amargo, no teu sabor de contrastes definidos, que generosa oferece. MULHER...
Lindo, mui lindo.
Um maravilhoso domingo.
João Costa Filho

Sahmany disse...

Oi Efeneto, bom domingo pra vc.
Abraço.

manuela disse...

Não existem horas mortas....apenas a saudade....beijos.

Um Momento disse...

Hum...
Tristeza...solidão...rugas...entre a razão...
Sentires expressados em silêncio de um coração...
Duplo murmurio ansiando a luz...

fico a meditar ...a pensar...
sobre o rosto que vês...desinteressada no olhar...
Interessada no sentir:)

Bom Domingo meu Amigo!

(*)

BANDEIRAS disse...

Gente!!!!!!!

Hoje é dia internacional do beijo, não tem contra indicações, não vale economizar, ou quardar para depois de amanhã...
No blog beijinhos para todo mundo.
bjs

BANDEIRAS disse...

Amigo,

Como sempre apaixonado, ensina a fazer versos para meu namorado, vai...
bjs

Sérgio Figueiredo disse...

Efeneto Meu Amigo,

São as palavras...o poeta...os sentires...amargos e felizes.

Uma Abraço

Angel of Light disse...

Horas mortas...horas mortas! Pois é, já vi que nessas horas mortas, não há tempo para o poema prometido à fada pequenina com queda d'anjo, heim? CADÉ O MEU POEMA?!?! Ou será que o poeta ficou sem grito (hihihi...). Ai que eu vou queixar-me à fada mãe e,... e,... o duende ainda leva um bom puxão de orelhas! Lá compriditas são...

Bom Domingo!

Beijinhos cheios de Amor, Paz e Luz!

Angel of Light disse...

ADOREI!!! Bem,... adorei é pouco! Lindíssimas palavras que fizeram sorrir o meu coração! Sabes, meu querido, fico muito feliz por estar a "conseguir" chegar ao teu coração, ao coração de tantas pessoas deste mundo virtual. É muito gratificante para mim, como simples ser de luz que sou! Espalhar o Amor, a Paz e a Luz é tão bom e eu gosto muito de o fazer. Faço-o com a maior pureza, num gesto de autêntico altruísmo. Obrigada do fundo do coração.

E livraste-te de um belo puxão de orelhas! Coitadito, já te estava a ver agarrado às ditas a pedir clemência... (hihihi...)

Beijinhos cheios de Amor, Paz e Luz!

p.s.: (hihi...) Bem, conseguiste tratar-me por tu. Ainda bem. Poupaste-me a compra de mais um frasquito de tinta para o meu farto campo de trigo dourado!

Gotika disse...

Meu doce amigo
Com muita pena ,mas ainda sem pc...
O prblm era mais serio que pensava.
Mas como para visitar os amigos sempre posso com o tlm :))
E posso deliciar me com os teus divinos poemas!
Bom hoje convido te para visitares ,onde só escrevo ao "amor"
Não são tão maravilhosos como os teus ...
Mas é o que me sai da alma!
Desejo te um bom começo da semana
Big kiss xoxx

Sunshine disse...

Horas mortas, horas tristes ...
mas mesmo assim palavras belas ..

É muitas vezes nas horas mais tristes que as palavras se soltam com um sentir e uma beleza sem par ..

Deixo-te um beijo cheio de carinho e com ele o desejo de que os momentos menos bons se diluam no tempo ... e que a amizade sempre premaneça ...

MEU DOCE AMOR disse...

Linda música.

Agora dançava...

D@rk @ngel disse...

Oh meu doce amigo
É o que dá não ter pc e vir com o tlm :)
há pouco nem reparei que era o link da gotika...
Agora sim este é que é o meu lado do amor...

Paula Raposo disse...

Sempre bonito o que escreves...beijos.

Maria Clarinda disse...

A Música maravilhosa que já tinha saudades de ouvir...ouvi-a há uns anitos!
O poema como sempre lindo e delicioso. As horas...passam e nós, depressa preencheremos outras, não é meu duende?
Jinhos mil

Helena disse...

Simplesmente deixo um beijinho e um sorriso... :)

Sempre bonito...

rosa dourada/ondina azul disse...

Um rosto de mulher,
o eterno mistério !


Lindo:)))


Beijinho,

Menina do Rio disse...

Será a verdade uma ilusão inventada sobre uma realidade mentirosa? Serão as horas mortas aquelas que nos levam por devaneios entre os caminhos que a vida sinuosamente atravessa em nós?

Um beijo e boa semana

GR disse...

Murmúrios de tristeza que envolvem a alma, quando a solidão está presente.
Rostos esquecidos. lembranças e saudades presentes...

Lindo

bjgrande daqui

GR

Secreta disse...

Horas de saudade , paradas no tempo.
Beijito.

Eärwen Tulcakelumë disse...

Simplesmente lindo!


Pérolas incandescentes de doces sorrisos e saudades...

Eärwen

Carla disse...

perfeita a forma como elogias a MULHER
parabéns
bjs

Miki disse...

Nas asas do sonho, e vestida de fantasia, aqui estou para dar um olá..gostei de andar por aqui
Beijo

Angel of Light disse...

Passei só rápido para deixar uma luz em forma de beijinho cheio de Amor, Paz e Luz!

Sunshine disse...

Passei num passo lento, para ouvir essa música linda que escolheste para acompanhar as palavras de horas mortas...
Saio deixando um beijo :)

Bandys disse...

Escuto atento o silencio...
e no silencio a lama fala...
é o poeta.
Lindo.
Beijos

Bandys disse...

lama= alma
desculpe!

Seguidores

Creative Commons License Esta obraestá licenciada sob uma Licença Creative Commons.