Ø G®¡†ö ðö Þöë†ä

Ø G®¡†ö ðö Þöë†ä
Visto-me com as cores do arco-íris, e desenho-te um beijo no poema.

Pesadelo

Há um sonho onde te perco
te afastas te afastas

Fumo branco azulado
evanescente
de um cigarro esquecido
em direcção ao tecto.

Por detrás o teu rosto esbatido e triste
peito doído no soluço da tua partida
barco negro na névoa
sem lenços
só a lâmina da dor

O coração aperta na solidão do cais
e a mão procura-te
receosa da tua ausência

Respiras suave no sono tranquilo
e a mão liberta-te o rosto do cabelo revolto

Acordo no teu abraço
até a tristeza do sonho se diluir no sol.
*
© efeneto
*

27 comentários:

Sahmany disse...

Abraço e bom domingo pra vc.

MEU DOCE AMOR disse...

Tão triste e tão feliz.

Beijo doce

Sunshine disse...

Há um sonho onde te perco ....

e tb há o acordar onde o sol dilue a trizteza do sonho ...

Um sonho mau .. um acordar doce e as palavras sempre tão intensas que descrevem o sentimento...

Um beijo neste final de domingo ...

MEU DOCE AMOR disse...

Qual será o peso das nossas acções no evoluir dos pesadelos?

SEM HAVER OUTRA FORMA,aqui deixo votos de uma boa noite.

ana poeta. disse...

F. Neto.


Esse diluir de cores aquecem os sentimentos que emocionam-se com a intensidade e magia que circula nesse pôr-do-sol esmaecido de saudades. Lindos versos. parabéns! O tamplate ficou lindo c essa nunace de cor. A foto diga-se de passagem é de tirar o fôlego, acho q levarei cmg p quem sabe inspirar novos versos.

Beijos Poéticos.
;**

Paula Raposo disse...

Lindíssimo mais este teu poema. As cores quentes do teu template estão uma maravilha para os sentidos. Adorei. Muitos beijos.

Carla disse...

"acordo no teu abraço"...e há melhor acordar?
boa semana, amigo
beijos

GarçaReal disse...

Olho ao fundo à procura de ti
Aquele barco negro, leva o sonho da vida
Transporta o dia em me perdi
E que envolto em marés deixei tombar...
A alma há muito esquecida.

Boa semana

Bjgrande daqui
Outro de lá

GMV disse...

As palavras, a imagem, a música...
obrigada, efeneto.

Luis F disse...

Na beleza do silêncio, escuto o grito do poema...

Paro no tempo e mergulho no momento, apenas e só, para o escutar...

Parabéns amigo

Um abraço
Luis

Angel of Light disse...

Não sei o que diga... mais um grito muito doce do meu querido poeta! Pesadelo? Não, não é. É só mesmo receio! O Sol ilumina tudo com a sua luz, até o teu lindo coração!

Boa semana!

Beijinhos de Amor, Paz e Luz

p.s.: Adoro este novo visual sempre em mutação. Acho que já te tinha dito. Bjhs

Um Momento disse...

E no sonho o abraço aconchegante em que o sentir se sorri...

Um beijo... em ti

(*)

espelhodesombras disse...

Amigo Efeneto, perdes em sonho, num fumo branco azulado, em direção ao limbo o rosto embatido de tua amada.E arcordas. Ainda bem...
Um belo poema.Brande abraço
João Costa Filho

Secreta disse...

A tristeza desvanece-se quando nos libertamos do pesadelo e abraçamos o sonho.
Beijito :)

GarçaReal disse...

Quer a imagem de fundo, quer a do poema estão verdadeiramente belas.

Adorei

Beijo daqui da chuva

Angel of Light disse...

Lindo duendinho, é impressão minha ou andamos um bocado fugidos?!? Muito trabalho, é?

Querido, não é meu hábito, mas tenho lá no blog um desafio que gostava que alinhasses. Não é nada do género de falar sobre si, escrever uma frase com 6 palavras, nomear blogs... Nada disso! É só mesmo a tua opinião. Se puderes, e quiseres, aceita.

Beijinhos de Amor, Paz e Luz!

carla granja disse...

Ola amigo ! Apesar de teres um pesadelo para todos lerem nao deixa de ser um pesadelo lindo de se ler ..adorei o fundo do teu blog tá lindo também. quando quiseres espero por ti em meu blog
__000000___00000
_00000000_0000000
_0000000000000000
__00000000000000
____00000000000
_______00000
_________0
________*__000000___00000
_______*__00000000_0000000
______*___0000000000000000
______*____00000000000000
_______*_____00000000000
________*_______00000
_________*________0
_000000___00000___*
00000000_0000000___*
0000000000000000____*
_00000000000000_____*
___00000000000_____*
______00000_______*
________0________*
________*__000000___00000
_______*__00000000_0000000
______*___0000000000000000
______*____00000000000000
______*______00000000000
_______*________00000
________*_________0
_________*________*bjos,carla granja

MEU DOCE AMOR disse...

Estive aqui parada a ouvir o som.Belíssimo.Bem preciso de escutar...

Fundo em concordância,sem dúvida.

Beijinho doce

MEU DOCE AMOR disse...

Boa noite

Marta disse...

Uma palavra apenas - aconchegante....
Adorei cada palavra...
Beijos e abraços
Marta

P.S.: Posso fazer o link????
Obrigada

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá meu querido Amigo! Adorei cada palavra do teu poema... Mas, resumo a apenas uma... Sublime!!!
Beijinhos de carinho,
Fernandinha

FERNANDA & POEMAS disse...

Olá meu querido Amigo! Adorei cada palavra do teu poema... Mas, resumo a apenas uma... Sublime!!!
Beijinhos de carinho,
Fernandinha

MEU DOCE AMOR disse...

Vim entregar mais um saco.Este é maior.Precisa de ser cheio.Se não couber,é favor de encher o outro.

E agradecia que os deixasse à minha porta.Não tocar na campaínha.

Voltarei.Vou buscar uma lanterna.

Ok.Não sei.

MEU DOCE AMOR disse...

Gostava de saber como fazes imagens tão bonitas.São tuas?Qual o método?

Obrigada

Sandra Fonseca disse...

"Acordo no teu abraço
até a tristeza do sonho se diluir no sol." Lindo a saudade assim: poéticamente!
Beijo.

Maria Clarinda disse...

Pois é...tenho sentido a tua falta...sei que não posto há algum tempo, mas até tu meu "Duende" não
andas muito presente, sabes que gosto de te ler, sabes que aquele selo tem um significado muito grande. Guardei-o como tu aqui em frente ao meu monitor.
Jinhos grandes de Fada para Duende!

manuela disse...

Há sonhos persistentes onde habita o medo...o teu acaba com os raios do sol...palavras deliciosas. Beijos.

Seguidores

Creative Commons License Esta obraestá licenciada sob uma Licença Creative Commons.