Ø G®¡†ö ðö Þöë†ä

Ø G®¡†ö ðö Þöë†ä
Visto-me com as cores do arco-íris, e desenho-te um beijo no poema.

Poesia Diária

Tiro do dia
A poesia
E faço Poemas;
E os reúno num livro;
Que vendo para comprar trigo
Para fazer o pão-nosso
Das minhas Helenas.

O pão-nosso de cada dia.
A Poesia nossa de cada dia.
O Poema nosso de cada dia.
O livro nosso de cada dia.
O dia nosso de cada semana.
A Helena minha de cada noite.

Mas não sei o quanto vai durar,
Quando tudo vai acabar.
Não sei se terei nova amada,
Se vou fazer mais uma rima.
Não sei se visitarei Harmada.
Ou se a morte me pegará na esquina;
Ou se sentirei novamente esta necessidade
Fisiológica de urinar versos.


efeneto*



8 comentários:

Reflexos da Alma disse...

Olá Efeneto !!!

"...Tiro do dia
A poesia
E faço Poemas;
E os reúno num livro;
Que vendo para comprar trigo
Para fazer o pão-nosso
Das minhas Helenas...."

Que faças então muitos pães nossos para as tuas Helenas :)))

Um Abraço e Bom fim de semana !!!

Eärwen Tulcakelumë disse...

Meu amigo

Mais um belo...vejo que vamos retirando da caixa preciosa as reliquias.

Recebe uma pérola incandescente em forma de beijo.

Eärwen

cõllybry disse...

No livro da vida, escrita num poema...dito

Meu doce beijo e meu rastoooooooooo

pessoa nenhuma disse...

adorei efeneto..está brilhante...já se inscreveu no luso-poemas? www.luso-poemas.net.
é digno de publicação...

Rafaela Lima disse...

Efeneto parabens!!! Muito linda sua página, ademais escreves muito bem,bjos

efeneto disse...

*reflexos da alma*
...e não sou padeiro...lol...obrigado pelas tuas palavras. Sempre inteligentes...abraço.
*earwen tulcakelume*
...havemos de juntar uma relíquia minha com uma pérola sua...beijo amigo da maneira habitual.
*collybry*
...palavras da "minha referência" são sempre uma ordem...beijo amigo.
*pessoa nenhuma*
...já me inscrevi...falta pensar na outra hipótese. Beijo de amizade.
*rafaela lima*
...adorei três coisa...sua visita...seu comentário, e o delicioso titulo do seu espaço...será visita obrigatória ainda hoje...as expressões brasileiras são autênticas arco-íris na linguagem popular da nossa língua...adorei o titulo, com certeza irei adorar seu espaço...beijo amigo.

Mena disse...

Olá amigo!! Boa noite!

Mais um poema lindo que sai de tuas mãos.

Gosto mesmo de aqui vir e ler-te já é um ponto certo de passar antes de ir descansar um pouco.
Sabe bem ler-te.
Bjs

Ardeth disse...

Que suas "poesias-pães" ou que seus "pães-poesias" nos alimente sempre!

Parabéns amigo!!!

Seguidores

Creative Commons License Esta obraestá licenciada sob uma Licença Creative Commons.