Ø G®¡†ö ðö Þöë†ä

Ø G®¡†ö ðö Þöë†ä
Visto-me com as cores do arco-íris, e desenho-te um beijo no poema.

...

Hoje estive com Ele…
o Mar;
O Mar falou-me das suas grandezas,
dos impérios que o fomentam,
das cidades que o habitam,
das forças que o agitam.
Eu falei-lhe …
do meu pensamento,
do meu tormento …
enfim falei-lhe de mim!
E ele,
ele hoje sentiu-se pequeno ...
efeneto*

9 comentários:

GarçaReal disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Rosa Maria disse...

Uma paixão que partilhamos...

GarçaReal disse...

Com o mar desabafaste...Ele é sempre bom ouvinte...A alma aliviaste...

bj

Josse disse...

Pudesse o mar afogar a nossa alma enquanto as lágrimas afloram e insistem em formar ondas de saudade.

Muito lindo.
Adorei.

Bjs

Josse

Josse disse...

Vou te linkar por lá, adorei.

Bjs

Um Momento... disse...

O Mar...
Como o adoro
Como gosto de te ler

Um beijo(*)

efeneto disse...

*todos*
...o mar...sempre o mar com a sua beleza inspiradora...obrigado e irei visitar um por um...beijo colectivo...efeneto.

Mena disse...

O Mar . . . sonho meu, olhar o mar calmo ou revolto é para mim um prazer inexplicável. Talvez pelo azul infinito, talvez pelo som ora calmo ora zangado. . . enfim adoro o mar. Também lhe conto os meus segredos e afogo nele as minhas mágoas, eu sim, sinto-me pequena, pequenissima perto dele.
Lindo!!
Bjs

rosa dourada/ondina azul disse...

O mar, que lindo tema
O mar, como ouvinte e confidente
O mar um Amigo !

Fica um Beijo,

Seguidores

Creative Commons License Esta obraestá licenciada sob uma Licença Creative Commons.