Ø G®¡†ö ðö Þöë†ä

Ø G®¡†ö ðö Þöë†ä
Visto-me com as cores do arco-íris, e desenho-te um beijo no poema.

Não Partas...

Todo o meu corpo anuncia a tua chegada
Com trombetas silenciosas
Nos lábio da penumbra.

E tu vens...
Num murmúrio de vozes deslumbradas
Vestida de branco
E com flores de vento
Nos teus olhos transparentes.

E tu vens...
Ofuscando virtudes impostas
Violando mitos de pedra
E obrigando as algemas do tempo.

Agora tu estás aqui
E as minhas mãos erguem-se
Pintando telas em segredo
Moldando formas de desejo
E invento gestos de carícias.

Os teus cabelos...
Passeiam no meu peito árido
Como nuvens numa serra agreste.

Não partas...
Não me deixes abrir os olhos
Nem acender a luz.

efeneto


7 comentários:

Reflexos da Alma disse...

Meu Amigo e Caro Efeneto !!!

Quando aqui venho me deslumbro com a qualidade suprema da tua Poesia...aqui eu sinto e reconheço o verdadeiro Poeta na sua dimensão de Sonho e de imaginação absolutamente singular ....

Efeneto, acredita meu Amigo, a tua Poesia é simplesmente Mágica !!!!

"...E tu vens...
Ofuscando virtudes impostas
Violando mitos de pedra
E obrigando as algemas do tempo..."

Magistral !!!!

Um Grande Abraço e um Bom fim de semana !!!!!

Um Momento... disse...

Agora estou aqui(",)

Sorrio-te

Abraço-te

E delicio-me com as tuas palavras

Um beijo de boa noite te deixo

Agora vou... mas volto(*)

O Sentir dos sentidos disse...

Querido Efeneto!!!!!!!!!

Mas que poema fantástico, belo, grande!!!!!!!
Mas...porque meu espanto? Se sabes tão bem o quanto adoro, admiro tua forma de expressar sentimentos sentidos.Quanto orgulho sinto de tu meu gentil e maravilhoso amigo.Eu nem posso retirar uma estrofe para dizer qual gostei mais...porque seria injusta com as demais...são todas lindas, encantadoras,mágicas...;
Que coisa mais linda DEUS!!!!!!!

Beijo consentido,

Naeno disse...

Obrigado pelo retorno. Li algumas de tuas poesias e as achei muito bonitas, poesias maduras consistentes, qeu identificam um poeta com sua marca.

Um abraço fraterno
Naeno

José disse...

Obrigado pelo colorido das palavras, mesmo cinza, mesmo negras ou até verdes, o colorido vem de dentro e ganhar maior brilho quando nos toca.Bom fim-de-semana.Abraço.

efeneto disse...

*reflexos da alma*
Obrigado pelas palavras, magistrais são os seus comentários, um abraço.
*um momento...*
Volte sempre para colocar palavras que eu farei o mesmo...beijo.
*o sentir dos...*
Ver-te escrever aqui para mim é uma alegria e tu sabes disso...volta. Um beijo.
*naeno*
É sempre gratificante para qualquer mortal quando recebemos uma visita nova...farei os possiveis para que não desista das suas visitas...volte sempre...um abraço.

manuela disse...

Se os sonhos se realizassem!...continuas com palavras sentidas de mágoas que não passam..o teu sentir mudou...os teus versos intensos e maravilhosos!

Seguidores

Creative Commons License Esta obraestá licenciada sob uma Licença Creative Commons.